domingo, 28 de outubro de 2012

Instachatos

Não tenho absolutamente nada contra o Instagram nem o uso do aplicativo. Mas (sempre a conjunção de três letras) o que irrita é sua má utilização, que inclusive gera uma série de piadas entre os usuários de redes sociais, Por exemplo, tirar foto da comida e postar como uma forma de exibição, não para dizer algo como "veja só como é tal prato do restaurante X, eu recomendo". Ao invés disso, o papo é simplesmente "olha só o que eu estou comendo e vocês não!". Aliás, tirar foto de comida de restaurante é fácil... difícil é ir pro fogão preparar alguma coisa legal e compartilhar a proeza.
Outra mania boboca é o tal do "look do dia", uma das coisas mais narcisistas já criadas. Quer dizer que a pessoa se arruma toda só para se mostrar e se sentir o máximo com os comentários elogiosos? Ou acaba de comprar qualquer treco estilo Coisas Geniais e já posta para (se) mostrar.
O bacana das redes sociais é compartilhar conteúdo e, claro, um pouquinho de um dia surpreendente - uma vez ou outra, porque esse negócio de compartilhar o dia a dia é coisa de quem tem a vida muito interessante ou é carente mesmo. E isso lembra outro aplicativo que já nasceu com fama de chato: Foursquare - que eu carinhosamente chamo de Forsquared, porque tem que ser muito "quadrado" para achar que todo mundo está preocupado com o lugar onde você está. Ui, sério que está tomando aquilo que chamam de café no Starbucks? Que inveja!
Bem sei que já tive minhas fases de fazer questão de compartilhar em redes sociais acontecimentos pessoais que só interessariam de fato a meia dúzia de pessoas, mas com nossos erros a gente acaba aprendendo que nem todo mundo rotulado como "amigo"  no Facebook e (muito menos) no Twitter quer saber o que você almoçou ou o que fez na tarde de domingo. Muito mais útil é descobrir lugares e atividades novas e montar um pequeno guia despretensioso com indicações. Afinal, você pode tirar a sua foto e manipulá-la facilmente no Instagram para parecer cool. Ou fazer check-in numa confeitaria cara e só experimentar o doce mais barato - que no fim das contas nem é tão bom assim.

Um comentário:

Zandali disse...

rs... pior é que vc está certa!!! rs
beijos